quinta-feira, 1 de maio de 2008

Não percam este post do João Quaresma

2 comentários:

Demokrata disse...

Era a tal chungaria a que me referia. Especialmente se o condutor for branco e estiver a ouvir uma kizomba em altos berros e de janelas abertas.

Joao Quaresma disse...

Obrigado pela referência ao meu post.

Há uma rectificação que quero fazer: é que quem pratica Tuning não é, decididamente, pobre. É impressionante o dinheiro que se torra neste país em acessórios e remodelações de carros, por vezes mais do que o carro vale por si.

Um abraço,

JQ