segunda-feira, 28 de abril de 2008

"obrigado"?

Sempre que oiço uma mulher usar esta forma de agradecimento, como é frequente, por exemplo, na televisão, recordo a minha Professora da Primária, a Dona Maria.
Um dia,estava eu na primeira classe, mandou-me devolver um qualquer objecto a um professor de outra sala, e que não me esquecesse de agradecer. Assim fiz; quando regressei perguntou o que tinha eu dito: "obrigado", respondi, ao que a Dona Maria contrapôs- "então achas que o senhor deve estar agradecido por nos ter emprestado (o tal objecto, que já não lembro o que era) ?".
Há bocado lembrei-me novamente da Dona Maria...

13 comentários:

Paulo Soska Oliveira disse...

Cristina, não querendo ser chato, sugiro uma leitura :)

http://priberam.com/duvidas/duvidas_detalhe.aspx?Id=1008

cristina ribeiro disse...

Paulo,o que eu lá vejo é que "obrigada" é o feminino singular da interjeição que significa agradecida. Há mais? :)

O Réprobo disse...

Uma feminista directora de Amiga minha tenta fazer a cabeça das subordinadas, dizendo-lhes para usar sempre o masculino, porque as Mulheres já foram obrigadas demais...
DOOOOOOOOOONA MAAAAAAAAAAAARIIIIA!!!
Beijo

cristina ribeiro disse...

Que saudades tenho da Dona Maria, Paulo!
Era uma daquelas professoras, já um pouco idosas, que sabiam impor disciplina sem "terem de forçar a barra", porque nós as alunas sentíamos que nos queria bem, pois que não se eximia de o demonstrar.
Beijo

Mike disse...

Obrigado por me ter recordado a D. Célia, minha professora primária. :) A melhor professora que jamais existiu (e não são aceites comparações nem de perto)...

cristina ribeiro disse...

Pronto, Mike: não se faz por menos- as duas eram as melhores, ex aequo :)

Júlia Moura Lopes disse...

:-)

bloggar é educar!

eheheh

Paulo Soska Oliveira disse...

@ Cristina:

Nesse caso, não percebi o seu post :D

Fiquei com a impressão que se estaria a "insurgir" contra o "obrigado" quando pronunciado por um ente do sexo feminino, quando tal não é necessariamente um erro gramatical ou semântico.

:)

cristina ribeiro disse...

Agradeço que me chamem a atenção quando erro( o que, convenhamos, é mais frequente do que aquilo que desejaria :) ), Júlia...
Beijinho

cristina ribeiro disse...

Claro que não, Paulo; é-o apenas quando se pretende manifestar agradecimento :)

Paulo Soska Oliveira disse...

Nesse caso, permaneço na minha :)

"pode dizer-se que uma mulher pode agradecer de forma correcta com obrigada (utilizando um adjectivo que concorda em género e número com o sujeito falante) ou com obrigado (utilizando uma interjeição, que é invariável), "

;)

cristina ribeiro disse...

Não sabia que assim podia ser, Paulo. Nesse caso penitencio-me perante as mulheres que o fazem.
Mas prefiro seguir o ensinamento da Dona Maria; soa-me melhor :)

Júlia Moura Lopes disse...

estou com a Cristina, obviamente.

:-)

vamos pelo som,Cristina, isso, não vale a pena incomodarmo-nos....já que as concordâncias nada valem!!