domingo, 15 de junho de 2008

«Uma rua de elite na Guimarães medieval»,

é o título da Tese de Mestrado de uma Professora de História da Universidade do Minho, Maria de Conceição Falcão.
Feita para ligar o convento fundado por Mumadona à parte alta da cidade, onde fora construído o Castelo, é, tudo o indica, a mais antiga rua do burgo.
Muito bem conservada, nela encontramos, ao lado de habitações de características populares, que bem guardaram a traça medieva, casas de nobres, algumas delas ligadas à Casa Real, de que é exemplo grande a «Casa do Arco».

2 comentários:

Nuno R. disse...

Uma grande tese e uma grande mulher. Um modelo de professora e de cidadã de quem guardo só gratas memórias!

Cristina Ribeiro disse...

Concordo, Nuno. Além de ter lido o livro, ouvi-a falar aquando do Congresso Histórico dedicado a D. Afonso Henriques, e fiquei bem impressionada.