terça-feira, 29 de janeiro de 2008

Mas como ainda não estou satisfeito...

...deixo aqui mais um vídeo de um fantástico tango, depois dos que já havia deixado há uns tempos aqui, que despertaram a atenção d'O Diplomata.

Desta feita interpretado por Marika Rökk, a roçar o cómico e o acrobata, que fiquei a conhecer por intermédio de um conhecido Professor que julguei ser o autor de um anónimo blog que até está na coluna ali do lado esquerdo, mas que hoje me garantiu não se tratar da sua pessoa.

Aqui fica, retirado de Nachts im grünen Kakadu, de 1957.

2 comentários:

Guerra disse...

Caro Samuel,

muito boa essa escolha... É verdade que se trata de um tango sem qualquer tipo de sensualidade, mas sem dúvida uma forma muito engraçada de abordar aquele estilo de dança.

Entretanto, deixo-lhe aqui o link
(http://www.youtube.com/watch?v=DEwZIufmafo) para uma sequência de tango de um filme de 2006 com o António Banderas.

Um abraço
Alexandre Guerra (O Diplomata)

Samuel de Paiva Pires disse...

Caro Alexandre,

Sim, sem dúvida num registo nada relacionado com a sensualidade característica do tango, embora inegável a apreciação quanto à capacidade física e ginástica de Marika Rokk.

Entretanto vi o excerto que refere, que deixarei no blog. Fantástico, com aquele par acho que até eu rapidamente aprenderia a dançar tango.

Um abraço
SPP